quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

[RESENHA] FEITIÇO - Sarah Pinborouch




Título: Feitiço
Título Original: Charm
Série: Saga Encantadas - Livro: 2
Autora: Sarah Pinborouch 
Editora: Única 
Páginas: 224
Ano: 2013
Nota: 5/5

       
           Vem ver a resenha do livro 1: Veneno


          Estou abismada com a evolução desse segundo livro em comparação ao primeiro, aqui a autora investiu na inovação e reconstruiu a história que é sempre feliz. 
          Os personagens e toda a história é real e passam por problemas que nos contos de fadas não existem, são impulsivos e erram o tempo todo, se arrependem de seus atos e os concertam. É incrível ver como nesse há mais emoção e inspiração em relação ao contexto geral.




         Em Feitiço conhecemos a história de Cinderela, porém seu pai é ainda vivo e vive em decadência em sua carreira, casado com Esme que largou seu marido rico para viver esse amor, porém depois de tanto tempo vivendo essa vidinha ela começa a sentir falta dos privilégios da realeza.
        Cinderela tem duas irmãs postiças, Ivy que consseguiu casar com um conde e vive uma boa vida ao seu lado e Rose, que é tanto descuidada com sua beleza o que leva Esme a investir em seus cuidados e para arranjar um marido.
        A doce Cinderela não é tão imatura e ingênua assim como pensamos, tem muitos momentos de inveja, raiva e irritação com seus familiares. 




           A vida da família não é tão boa, passam por muitos momentos ruins, e quem ameniza com alguns presentes é Buttons, um faz tudo que rouba dos ricos e da aos pobres, e da para sua amiga Cinderela. 
           Há uma grande festa no reino, onde o príncipe irá escolher sua esposa. Esme começa a preparar Rose enquanto Cinderela fica sonhando em ir, no dia do baile uma fada madrinha aparece e lhe transforma completamente, o único porém, ela deve voltar antes de meia noite e quando conquistar o que deseja, deve procurar algo em todo o castelo, quando o encontrar deve contar para o cavalariço. Cinderela fica cismada mas aceita o acordo. 
        É paixão forçada, assim que Cinderela consegue fazer o príncipe percebe-la o encantamento nasce. Meio noite chega e ela tem de fugir deixando seu sapatinho e é com esse sapatinho que o príncipe a encontra.




         Todos vão morar no castelo, porém a vida de princesa não é como era esperava, não há nenhum carinho ou simpatia da parte do príncipe e o que ela mais queria era amor. 
          Todas as noites Cinderela são a procura de algo diferente no castelo, porém sua busca é sempre frustada. Desde o princípio ela do o cavalariço não se deram bem, porém agora estava sendo amenizado, e ele lhe fazia companhia de uma maneira que ninguém fazia. 
         A vida segue nesse vai e bem, entre a preparação para o casamento, o distanciamento de todos e a procura por algo oculto. No início fiquei intusiasmada com esse mistério, foi o que deu uma grande destaque, porém logo relacionei e descobri o mistério, porém foi tão legal que não tirou a graça do resto. 
         O final é tão surpreendente e legal, não esperava nada parecido. Toda nossa visão das histórias novinhas e com finais felizes é destruída nesse livro. Ninguém odeio só por odiar, ninguém ama pela beleza, ninguém sabe dos sentimentos de outrem até experimentar. 




Frase de interpretação
"Há mistério em todo canto, e uma hora a magia acaba. O que causada mal era apenas mal interpretado." 
          

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja coerente