sábado, 31 de outubro de 2015

[RESENHA] DE REPENTE, O DESTINO - Susan Fox


Título: De Repente, O Destino
Título Original: Sex Drive
Série: De Repente - Livro 3
Autora: Susan Fox 
Editora: Única
Páginas: 383
Ano: 2013
Nota: 4/5


      Veja a resenha dos livros anteriores

       Como já sabemos pelos livros anteriores, a saga De Repente é sobre a vida das irmãs Fallon, e o terceiro livro vai falar sobre a irmã mais velha do clube das 3 Marias. Como falei na resenha do primeiro livro, a ordem foi alterada aqui no Brasil, e esse é o primeiro da série para fora, porém não afeta em nada nas histórias. 




     Theresa Fallon, sempre foi um gênio. Desde pequena um prodígio na área da educação, e com pais muitos dedicados ao bom estudo incentivaram e aguçaram ainda mais essa ânsia de aprendizagem em sua primogênita. Por ser a mais velha sempre se viu com maiores obrigações, e veio disso a organização e metodismo. Terminou os estudos jovem, e com apenas 22 anos já tinha um doutorado, porém toda inteligência não a preveniu do sofrimento de um romance inesperado. Ingênua nessa departamento, se casou e foi traída da pior maneira possível, teve seu primeiro projeto roubado por seu marido. Depois desse fato, Theresa se isolou de relacionamentos sérios, fechou seu coração para qualquer intimidade.
      Com a notícia do casamento de sua irmã ela fica designada de toda a organização, desde contratar o celebrante até as comidas que serão servidas. Porém ela adora e entende muito bem essa parte, a vida fica mais fácil quando organizada. 


     
     No aeroporto ela precisa comprar revistas de noivas e ao fazer uma crítica ao autor de um livro que está em lançamento ela nem imagina que o homem que responde ao comentário é o próprio autor. 
      Damien Black é um famoso autor australiano, escreve uma série sobre um policial aborígine que é ligado a totens, como ele próprio tem uma porcentagem dessa origem sempre sentiu que precisava passar para frente, mesmo não recebendo aprovação de sua família. Classificados entre os 10 homens mais bonitos da Austrália. 
      Já de início Damien se sente instigado com essa mulher, charmosa e direta, então decide fazer um joguinho de não revelar seu nome. Por sorte do destino a sua poltrona na classe de luxo, é ao lado de Theresa.
       Theresa se sente insegura quando vê o desconhecido que a tinha respondido no aeroporto, agora sentado ao seu lado. Era impossível não perceber a beleza desse homem, exalar a masculinidade, confiança e charme que ele passava. Porém ela estava muito concentrada em seus trabalhos da faculdade e na preparação do casamento, que não tinha tempo para perder com um elegante companheiro de viagem. 



       Primeiramente Damien joga seu charme para a comissária de bordo, mas logo sua atenção volta para Theresa que aos poucos vai se soltando e mostrando mais interesse na conversa. Theresa nem acredita que um homem com essa beleza possa lhe dar atenção, sempre acostumada com os parceiros medianos, ela vai se entregando ao charme dele aos poucos.
       Para se ver livre das garras da aeromoça ele pede para Theresa entrar em uma mentirinha com ele, fingirem que estão noivos, e com as revistas que ela tem só ajuda na desculpa, porém Theresa não imagina quem realmente ele é.
      Ao decorrer da viagem a química entre eles fica mais quente, rolando até sexo no banheiro. Theresa leva apenas como um encontro casual, nada demais enquanto Damien vai adorando mais essa mulher intelectual, que está com ele pelo que ele é, diferente de todas as mulheres com quem ele já esteve, por interesses.
      No fim Theresa acaba descobrindo a mentira, mas Damien tenta explicar que queria que ela o definisse pelos seus atos e gestos, não por suposição. 



      Depois de tantas conversas, Damien propõe a Theresa que ela fique com ele uma noite no hotel no Havaí e ela caba aceitando. 
      É um dia cheio de aventuras, desde sexo na praia, jantares, passeios a beira mar, até uma coletiva de autógrafos em uma livraria para a divulgação do livro de Damien.
      Cada um entende mais sobre o outro, sobre seus anceios e limitações, como a carreira é algo importante e impactante.
     No fim eles tem que lidar com os sentimentos, mesmo inesperados e indesejádos, a ligação que eles construíram foi forte e contagiosa, o tempo que eles passaram juntos foi importante para eles, se conhecerem melhor e desejaram continuar com isso depois que a viagem acabasse.




     Confesso que lendo os outros livros eu achava a Theresa bem chatinha, mas lendo esse livro da para entender melhor o que ela passa. 
     Vemos aqui como um uma dor pode nos mudar, confiar na pessoa errada pode muitas vezes nos danificar para sempre, se deixarmos. E mesmo assim, depois de tanto tempo reclusa Theresa se deixa sentir novamente, e com a pessoa certa ela se permite ser desejável.
     E como não amar esse sedutor e escritor Damien, cada vez que ele fala da paixão de escrever da para desejá-lo mais, o amor que ele nutre e nunca deixou essa vontade de escrever morrer. 


Frase de interpretação 
      "Por enfrentar os resultados de uma má escolha uma vez, decidi mé manter afastada. Com as surpresas da vida me enrosquei em algo novo, segui temerosa pelo sofrimento, esperançosa por algo novo e verdadeiro."
  

10 comentários:

  1. Ainda não li esse livro!
    Muito boa sua resenha!
    Gostei do seu blog, viu? *-*

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Annnnnw obrigada, linda! Que bom que gostou ><
      Visitei seus blogs e super amei, estou te seguindo.

      Beijinhos :*

      Excluir
  2. Oiii Cin... Amei a resenha, uma vez quase comprei o box dessa série, só não comprei pq as sinopses não tinham chamado tanto minha atenção. Mas agora lendo sia resenha eu me interessei, é típico de histórias clichés que me atraí!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiiii Leisi, eu comprei bem por impulso mesmo, aproveitei uma mega promoção e nem tinha lido nada sobre a série. Porém encaro ts leitura como uma nova viagem, a série fala muito sobre acreditar no amor e a consequência dos mesmo, além de ser bem explícito, em todos os sentidos, e ainda assim é uma leitura gostosa.

      Excluir
  3. Oiii Cin... Amei a resenha, uma vez quase comprei o box dessa série, só não comprei pq as sinopses não tinham chamado tanto minha atenção. Mas agora lendo sia resenha eu me interessei, é típico de histórias clichés que me atraí!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. olá,
    Taí um livro que eu não tenho vontade de ler, simplesmente não curto o gênero. Mas parece ser uma indicação bacana pra quem curte esse tipo de história, eu costumo achar clichê.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, quando não gosta não da para forçar né, é bem clichê mesmo ainda porque são sobre as 4 irmãs e um tema, então fica meio repetitivo, porém é legal ver o desenrolar da história. Seguindo seu blog ><

      Excluir
  5. Sempre vejo esse livro, mas nunca peguei para ler! A capa não me agrada muito =(
    Mas a sua premissa foi muito boa!
    Bjs

    http://tutiaah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Cin, adorei a resenha. Perfeita. Fiquei até com vontade de ler o livro. Ou melhor a saga. Amei as fotos também.

    Beijjos! <3

    ResponderExcluir
  7. Aiii que bom que gostou Dani, ainda sou nova e medrosa nesse patamar kkkkk
    A história não é lá grande coisa mas é muito bom puder viajar com essas irmãs e seus romances.
    E obrigada *---*

    ResponderExcluir

Seja coerente