quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Eu nasci para você

Na vida, tem gente que nasce para amar, e outras para sofrer. A verdade é que independente de qual categoria que alguém preencha, sempre vai passar pelos dois.
Nunca acreditei muito no sentimentalismo do amor e todo aquele drama que está vinculado a paixão, acreditava que o sofrer era o meu único e verdadeiro companheiro. O que eu não imaginava era que esse sentimento todo deve ser despertado e não entregue.
Dai você surgiu, seria errado dizer que lhe encontrei pois nunca teria tamanha sorte, então você me encontrou no meio de uma confusão enorme, e me devolveu a vida. É tão clichê pois antes de você eu não vivia, apenas sobrevivia a esse mundo cheio de injustiça. Eu era somente um corpo cansado vagando sem direção, e você com sua luz e encanto me iluminou a alma e me deu esperança. Não acreditava no amor pois ninguém tinha me mostrado a intensidade desse sentimento, e você me mostrou, como também é mostrou que ele nasce da reciprocidade, não é somente amar mas também ser amada da mesma forma.
Hoje eu sei que esperei esse tempo interminável pois era você. Sinto que a felicidade habita em mim, você está ao meu lado e todo o mundo lá fora para de existir, você não me faz bem me faz ótima. Me entregar aos seus abraços é a cura para o mal, olhar em seus olhos é a força que eu preciso. Sentir que o mundo vai desabar e ter você para sustentá-lo é a certeza de que não me abandonará. Descobri com você que amor é a intensidade em sua forma mais bonita, não há medo de ser considerada louca e exagerada, o próprio amor é exagero, é muito, é mais do que imaginamos sentir. Amar é sem descrição, é apenas um sentimento feito para dois.
Um ano é muito pouco para o bem que você me causa. Com você eu preciso da eternidade capturada, só para mim, só para você, só para nós, para o nosso amor.


Na vida tem gente que nasceu para seguir a solidão, e tem gente que nasceu para ser feliz com alguém. . . Acho que me encontrei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja coerente