segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Um adeus

           Quem diria que ela aguentaria a esses três anos, quem diria que conseguiria ultrapassar seus limites, quem diria que ela resistiria sem endoidecer, quem se quer pensaria que ela aguentaria a todos com os mais diversos tipos de gênios  quem diria que sua vida mudasse completamente ao longo desses três anos, momentos altos e baixos como se estivesse em uma montanha russa e não pudesse sair depois de uma viagem. E quem diria que ela não aguentasse tudo isso? São os últimos 9 dias em que ela tem certeza do que vai acontecer, dias esses que vão servir para pensar ao máximo  argumentar maneiras de poder seguir seus sonhos que não vão ser nada fácil,  lembranças dos velhos e bons momentos de como conheceu pessoas incríveis,  maravilhosas que mesmo se distanciando vão estar para sempre com ela na memória no coração. Toda a certeza que ela tem agora é a da duvida, não sabe como as coisas vão ficar e vão acontecer e também se podem não acontecer, enquanto nada acontecer ela vai brincando com o acaso e mandando mensagens carinhosas para sorte, quem sabe ela mesmo vem devolvê-los em sua porta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja coerente