quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Nava companheira

      Apesar de toda a tristeza eu lido bem com as despedidas, digo com ciclos, com esse cima de fim, uma etapa que se vai para nascer outra, oh e espero que com essa eu me entenda e até chame para um chá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja coerente