quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Lembrar

       Lembrei de ti de dia, de noite, nos meus sonhos, nos meus devaneios, na minha solidão no meio da multidão. Só lembro e nunca tenho-te.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja coerente